Agende sua consulta
Contato por WhatsApp

Informações:

(47) 3633 4043

Ergoftalmologia. Área da ciência multidisciplinar que estuda os ambientes de trabalho e seus danos à visão.

CBO

Ergoftalmologia. Área da ciência multidisciplinar que estuda os ambientes de trabalho e seus danos à visão.

O ambiente de trabalho atual é muito mais exigente e moderno, horas excessivas em contato com telas digitais resultaram na ?ergoftalmologia?, área que atua na prevenção de futuros problemas oculares, clique para saber mais.

Muito se fala do avanço da tecnologia e seu impacto na sociedade, desde a revolução industrial até os dias de hoje. Entretanto, seu uso desenfreado trouxe uma série de complicações, principalmente para a saúde ocular. 

 

Além da preocupação com o uso precoce de smartphones, tablets e computadores, os quais prejudicam a visão das crianças, as atuais condições de trabalho que os adultos são expostos também precisam de atenção. Fatores como a umidade relativa do ar, ventilação, temperatura e iluminação podem afetar diretamente a qualidade de vida das pessoas, principalmente em tarefas que exigem muita atenção. A Ergoftalmologia nasceu da necessidade de se administrar o desconforto e da prevenção de doenças oculares as quais tenham relação com esse tipo de ambiente, muito comuns nos dias atuais.

 

De acordo com o CBO, trata-se de uma área da ciência multidisciplinar que estuda os ambientes de trabalho, propondo o melhor relacionamento entre o trabalho e a visão. Para o oftalmologista, o entendimento desta área da ciência traz uma melhor compreensão sobre queixas dos pacientes que não apresentam correlação clínica, mas que tinham sua etiologia no ambiente de trabalho.

 

Promover a conformidade dos ambientes planejando-os com antecedência é uma preocupação dessa ciência. A postura corporal faz parte de um tema que muito se cobra, principalmente para pessoas que realizam leituras longas, tarefas repetitivas e claro, ficam em frente aos computadores.

 

Confira dois problemas comuns e seus impactos na visão:

 

  • Salas mal iluminadas ou com focos de luz no campo de visão são responsáveis pela alteração da abertura das pupilas, causando cansaço nos músculos dos olhos;

  • Ambiente com luz azul (presente nas lâmpadas de halogênio metálicos) são relacionados com o aumento da degeneração macular.

 

Estes problemas afetam o rendimento dos profissionais, o maior ganho das empresas que se preocupam com estes detalhes é o aumento produtivo. Sem essa devida atenção, os danos poderão ser irreversíveis, gerar despesas médicas e até judiciais.

 

Separamos algumas dicas de como a empresa deve se preparar para amenizar esses danos:

 

  • Realize um planejamento para a construção do ambiente de trabalho e de lazer. As pausas precisam de fato ocorrer e muitas vezes as empresas não tem um espaço adequado para isso;

  • Os arquitetos e engenheiros precisam receber todas as informações necessárias logo no início do projeto. 

  • Empresas de médio e grande porte precisam conscientizar a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIPA, médicos do trabalho, enfermeiros e psicólogos, sobre o trabalho em conjunto e o caráter multidisciplinar da Ergoftalmologia.

Algumas das principais queixas de pessoas expostas a ambientes mal planejados e com alta demanda operacional em computadores:

 

  • Olho seco funcional, o ar-condicionado acarreta influência neste problema, pois interfere nas mudanças de clima, como: umidade, temperatura e a velocidade do ar.

  • Astenopia ocupacional, síndrome caracterizada por sintomas multifatoriais decorrentes de alterações da superfície ocular, determinada por alteração do filme lacrimal durante a jornada de trabalho;

  • Fadiga ocular, muito comum quando se passa horas em frente às telas;

  • Cefaleia, acompanhada de distúrbios visuais, como: visão dupla, visão borrada, sensação de areia nos olhos, também são queixas bem comuns em pacientes que usam intensamente os olhos.

 

Se as orientações sobre o assunto são inexistentes no local, o próprio profissional pode fazer suas pausas. É recomendado realizar um pequeno intervalo a cada 50 minutos, direcionando o olhar para um ponto distante, ao infinito, ajudando no relaxamento dos músculos dos olhos.

 

Outra dica interessante é aumentar as piscadas, dessa forma,  a lubrificação da superfície ocular fica mais efetiva, reforçando a camada de proteção.

 

O Palming, exercício de descanso ocular, também é ótimo para prevenir danos e pode ser realizado a cada hora de trabalho.

 

Prevenir e tratar doenças oculares relacionadas ao trabalho é uma tendência na Oftalmologia. O Centro Especializado da Visão de São Bento do Sul, sempre antenado nas mudanças e necessidades dos pacientes, conta com profissionais experientes e modernos equipamentos para garantir uma informação correta, o diagnóstico preciso e claro, o melhor tratamento.

 

  Ver Bem é Viver Melhor – Centro Especializado da Visão | São Bento do Sul /SC

Diretor Técnico: Dr. Luciano Halal Haddad | CRM – SC 7731 / RQE 2921

 Fones: (47) 3633 4043 – (47) 99601 2616 – (47) 99746 4241.

 


Mais postagens

O primeiro exame de refração é realizado quando ainda somos bebê. Saiba porquê.

O primeiro exame de refração é realizado quando ainda somos bebê. Saiba porquê.

Conhecido como Teste do Olhinho, é o primeiro exame de vista e é realizado ainda na maternidade quando somos bebês. O exame deve ser repetido anualmente até os nove anos de idade.

80% dos portadores de glaucoma não apresentam sintomas! Porém, com o diagnóstico precoce é possível tratar logo no início.

80% dos portadores de glaucoma não apresentam sintomas! Porém, com o diagnóstico precoce é possível tratar logo no início.

Hoje é Dia Nacional de Combate ao Glaucoma, um mal que acomete as pessoas de forma silenciosa e rápida. Com o objetivo de reduzir a incidência dos casos de glaucoma, trazemos uma matéria sobre a prevenção dessa doença. Leia e repasse.

Prevenção é o melhor remédio para as alergias oculares.

Prevenção é o melhor remédio para as alergias oculares.

Em muitos casos a alergia não tem cura, porém através do tratamento é possível reduzir os sintomas, evitar as crises e impedir que haja sequelas.

Abril marrom: um mês de campanha para a prevenção e combate das doenças que causam cegueira!

Abril marrom: um mês de campanha para a prevenção e combate das doenças que causam cegueira!

No abril marrom vamos falar de como a campanha ajuda na propagação das informações sobre prevenção e os cuidados para evitar doenças que causam cegueira.